sexta-feira, 16 de abril de 2010

Brigadeiro assassino [série Duartão]

Como eu fiz aniversário há poucos dias, hoje o post do Duartão terá a minha participação!

Uma noite qualquer estávamos nós dois em casa sem fazer nada, só assistindo televisão. Mamis, pra variar, tava lá com o Morpheus, dormindo como um bebê.

Não lembro direito se estávamos assistindo a algum programa de culinária ou se meu pai só teve algo próximo a um desejo de mulher grávida e disse que queria comer um doce. Vovô e vovó viajando, mamis dormindo, sobrou pra esta que vos fala ir pra cozinha. Mas o Duartão foi junto e decidimos fazer brigadeiro.

Parêntese: na época meu pai estava com os dentes zoados e estava tentando achar um dentista que ele fora uns dois anos antes pra tentar dar um jeito no que restara da arcada dele.

Bom, fizemos o brigadeiro e imagino que todos saibam que antiaderente não dura tanto quando poderia e que doces do tipo grudam que é uma beleza nas panelas.

Antes de mais nada me declaro INOCENTE nos fatos relatados a seguir. u.u

Duartão gostava da casquinha queimada que fica na frigideira. Já estávamos no quarto de novo, comendo brigadeiros como duas crianças - bom, eu ainda era meio criança na época... - e, do nada, ele dá um puta tapa na mesa e grita esbraveja PUTAQUEPARIU, VOCÊ ACABOU DE ARRANCAR A OBTURAÇÃO DO ÚNICO DENTE BOM QUE EU TINHA NA BOCA!!!!!!!!

Na hora, #euri. E muito! Aliás, eu racho de rir com isso até hoje!

Não me lembro o que eu respondi, mas acho que perguntei como eu tinha conseguido isso sem nem ao menos ter o prazer dado um soco nele. Na verdade a obturação véia ficou presa na casquinha queimada que ELE comeu de livre e espontânea vontade. E acho que foi isso mesmo que eu respondi pra ele: nem vem, pois você comeu isso porque quis! Eu não tenho culpa disso, não!

Ele ficou MUITO PUTO. Assim, tipo MASTER PUTO. Mas foda-se, por que, como já falei, eu ainda dou risada disso! xD

Duartão que se fodeu naquele dia! Mwahahahaahahaha!!!!!

2 comentários:

Dotôra disse...

Mwahahahahahahahahaha
Ai que foda, rachei com essa!!! uhahuahuahuauhahuhuauhahuauhauhauhauhauhauhauh

Murilo Andrade disse...

Sua família parece engraçada. Qualquer dia vou escrever alguma história da família também.